Isoporp

cheese-curls-218233_640

A obra de arte na Nova Cidade era a reprodução de um aperitivo bastante popular e muito consumido no começo do século passado. Na galeria, o artista verificava os aplausos e elogios dos críticos, que se diziam deslumbrados com aquela intervenção tão avant-garde e politizada. Acima da cabeça rosada e dos óculos escuros do novo Andy Warhol – do considerado e quase um reencarnado Marcel Duchamp do século XXII – brilhava uma moldura dourada e salpicada de glitter. Na moldura, a reprodução autêntica de um pacote azul metálico em que estava grafada a frase:

— FOFURA – É ASSADO! —

Caminhando pelos corredores da galeria havia uma pessoa fantasiada de mascote da marca antiga. Tinha pernas, óculos, boca de palhaço e um topete rockabilly. Espirrava uma espécie de cola nos lábios e mãos dos visitantes, partes em que grudava depois um pó amarelado e farelento. “Era assim que aquelas crianças famintas e pobres matavam a fome, meus caros, pensem nisso antes de desperdiçarem os nossos sintéticos!” – explicava o curador da exposição.

Rodrigues, semanário artístico mambembe 2.3 – Nova Ualla 09.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s