Sonho número 2

forensics-3926577_640

Sonhei que andava na rua, do lado de um cara, como que pajeando. Toda vez que ele se abaixava pra cagar, ali mesmo, no passeio público, eu tinha que abaixar e limpar a bunda dele. Aliás, ele não se abaixava, ele só descia as calças e cagava enquanto andava, então eu pegava um paninho umedecido e limpava sua bunda e coxas. Esse cara era um apoiador de Bolsonaro, calvo, usava roupas de tons esverdeados e só não era o Carecão da Havan por ser mais magro, ter o crânio mais pontiagudo e uma cara mais monstruosa, de filme de terror. Por incrível que pareça, a sensação de ficar andando com ele e, em cada parada, limpando sua bunda suja, era uma sensação boa, um pouco humilhante mas, ainda assim, uma sensação de estar empregado, seguro de alguma maneira, mesmo que a atividade fosse limpar uma bunda. Que período esquisito este que vivemos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s